domingo, 4 de março de 2012


Depois do frio antártico, nada como um dia de sol em Santiago. Íamos ao Centro Gabriela Mistral (GAM) e acabamos descobrindo a "calle" Lastarria. Em pleno centro de Santiago, uma rua muito agradável, com museus, restaurantes e bares. Tudo muito charmoso e bem cuidado.


 Na própria Lastarri, tem uma pequena feira de antiguidades. Não é grande, mas é simpática e tem coisas interessantes.


 Essa é uma pracinha, com vários restaurantes e uma livraria, onde compramos os nossos "gênios". Estava tudo cheio, em um clima alegre e alto astral. E nossa experiência gastronômica foi ótima.


 Mais feira de antiguidade. Na minha opinião, o grande barato é passear pela rua, mais do que comprar antiguidades.


 Não sabemos quem foi o "mulato Gil de Castro" (ok, poderia ter buscado no google, mas fica para a próxima), mas achamos o lugar muito legal. Nessa plazoleta fica a entrada para os museus de artes visuais e de arqueologia. Apenas este estava aberto e valeu ter ido.


 A praça tem ainda um restaurante e o café do museu. Além disso, algumas esculturas e um belo mural.


 Eis o mural! Eu gostei muito, combina com o clima descontraído e artístico da região.


 Este é o café do museu, onde paramos para fazer uma boquinha. Muito gostoso, tanto doces, quanto salgados estavam muito bons.


 Além de gostoso, charmoso. Vejam que bonitinho o prato de açucar.


 Comida! As crianças foram de brownie. Estava ótimo.


 Este é o GAM. Centro cultural recém inaugurado, conta duas alas de exposição. São vários espaços para mostras e exibições de arte, biblioteca, cinemateca, teatro, restaurantes e muito espaço para curtir. Além de ser uma justíssima homenagem à Nobel chilena, é um excelente programa para quem procura cultura e entretenimento de qualidade. Recomendamos.


 Livraria! Nossa perdição. Sempre que entramos em uma livraria compramos algo.


 Mas dessa vez apenas os pequenos ganharam presentes. Livros infantis com textos de Gabriela Mistral e Vargas Llosa. Muito bacana os livros e achamos ótimos que as crianças desde cedo tomem contato com boa literatura. Nada mal começar com dois prêmios Nobel.


 As crianças curtiram o passeio e ficaram felizes com os presentes.


 Este é o pátio interno do GAM. Dessa vez, a atração era uma mostra de fotografia, com imagens do golpe militar de 1973. Belas fotos, tristes recordações. Mas é importante lembrar e tudo foi muito bem feito no GAM.


 Escultura no pátio externo. Todo o complexo do GAM é muito agradável.


A opções para o almoço são inúmeras. Resolvemos ir no Peztoro, achamos a cara boa! E não nos arrependemos, estava tudo muito gostoso.



Em frente fica uma livraria muito legal, a Ulises.


 E os restauranes "bombam". Alguns turistas, alguns locais e poucos brasileiros. Será que nossos compatriotas ainda não descobriram esse pedacinho de Santiago?


                                          De entrada fomos de croquetes de Jamón Serrano...
Estava bom toda vida.


                                          A Lê foi de refrigerante (hoje é domingo né, mãe?)


Eu fui no pastel de Jaiba. (que nada mais é do que uma casquinha de siri)


    Frango recheado com batatas para o Rodrigo. ( Ro escolhendo frango, nem posso acreditar)
 Pois é, experimentei e fiquei satisfeito. Estava muito bom!


Letícia chateada com a negativa do irmão de dançar com ela.


Um ótimo passeio, educativo e divertido. E, claro, como não poderia deixar de ser em um bom programa, com boa comida e boa bebida. Muito, muito legal.

Um comentário:

  1. Olá priminhos!
    Adorei as fotos!
    Muitas saudades e até breve!

    ResponderExcluir